15/06/2021 às 14h30min - Atualizada em 15/06/2021 às 14h30min

Arquitetura corporativa

Como aplicar a arquitetura em uma marca.

Rodrigo Mozer Vilaça
Pense rápido: Você vê uma lanchonete vermelha com arcos dourados, qual a lanchonete? Ou uma loja de conveniências com uma estátua da liberdade na frente, consegue identificar? Isso é arquitetura corporativa.

Em franquias ou empresas com mais de uma sede não são apenas logos, panfletos, materiais de escritório e equipamentos que são incorporados à marca de uma empresa. Grandes empresas criam um designer arquitetônico único de forma a associar suas instalações fisicas à sua marca, além de criar espaços condizentes com as atividades relacionadas à sua atividade fim.

A arquitetura corporativa visa adequar na edificação a empresa em vários parametros, dentre eles:
  • Produtividade;
  • Qualidade de vida dos colaboradores; 
  • Imagem positiva junto aos clientes;
  • Colaboração;
  • Facilidade para realização das tarefas;
Para executar um projeto de arquitetura corporativa é necessário entender a operação da empresa, entender os valores da empresa, as atividades que realiza e os profissionais que nela trabalham. Um projeto corporativo de empresas diferentes, mesmo que da mesma área de atuação, pode ser imcompatível devido a valores e formas de trabalho diferentes entre empresas.

Na arquitetura corporativa os "cubiculos"  formados por salas compartimentados, cheios de salas fechadas com paredes e separações estão caindo em desuso. As intalações corporativas visam hoje garantir a interação entre funcionários e aumentar a colaboração.

Na In-laser o projeto foi desenvolvido visando a expansão da marca e sua identidade, além de garantir a operação durante todas as etapas da empresa.
Link
Rodrigo Mozer Vilaça

Rodrigo Mozer Vilaça

Arquiteto e Urbanista

Relacionadas »